Translate

quinta-feira, 24 de maio de 2018

RÁDIO PEÃO COMENTA DISPENSA E CONTRATAÇÃO, E DA SITUAÇÃO DO LUIZ VILELA

A Rádio Peão, citando fontes, alertou que a Prefeitura está dando um jeitinho em contornar a imposição do MP acerca da dispensa de comissionados, e está usando empresas prestadoras de serviços ao município para a (re) contratação de demitidos, possivelmente amigos do poder; uma dessas empresas é do setor de informática.

Ainda segundo a prestigiosa rádio, o pessoal do SEMOSP, aquele local onde colocam tranqueiras para rodar perigosamente pela cidade, mandou embora apenas o pessoal do salário mínimo (dois deles), permanecendo apaniguados, e mais: ali continuam três diretores, três chefes de divisão, o secretário e o adjunto. O que fazem ninguém sabe, no entanto e a julgar pelo estado de conservação dos veículos e maquinários pesados jogados no pátio (ex Parque de Exposição) nada se importam com o andar da carruagem. O local merece a visita dos vereadores Eder TNT e Dinho Caminhoneiro, reforçou a Rádio Peão.

Finalizando, fontes afirmam que o Luiz Vilela “desapareceu” do circuito de comando; sala vazia e anda perambulando cabisbaixo, não escondendo que se sente traído, com isso a Rádio encerrou sua transmissão.

Greve só acaba com isenção de impostos, diz Abcam

A Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam) informou na manhã desta quinta-feira que o movimento de paralisação da categoria só terminará quando a redução de impostos dos combustíveis for publicada no Diário Oficial da União (DOU). A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa da entidade que mencionou que o movimento “não acredita mais nas promessas do governo” e que, por isso, a paralisação só terminará quando a decisão “virar lei”.
Mais cedo, o presidente Abcam, José da Fonseca Lopes, havia dito em entrevista à Rádio Eldorado que as manifestações poderiam ser suspensas nesta tarde, desde que o projeto que prevê zerar a PIS-Cofins sobre o óleo diesel fosse aprovado pelo Senado. Líderes do movimento terão encontro com a cúpula do governo federal às 14h no Palácio do Planalto.

TJMG pretende construir 12 novos fóruns no interior ao custo de mais de R$ 190 milhões. O tão falado de Três Corações não consta da lista


O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) pretende gastar mais de R$ 190 milhões para construir novos fóruns em 12 cidades do interior de Minas. Araxá, Cambuí, Cássia, Cláudio, Carmo do Rio Claro, Ituiutaba, João Pinheiro, Juiz de Fora, Lagoa da Prata, Machado, Piumhi e Pratápolis serão os locais beneficiados com as novas instalações.
Dentre as comarcas citadas, Araxá, Ituiutaba e Juiz de Fora são as únicas em que os editais já foram finalizados. A empresa Endeal Engenharia e Construções Ltda. venceu a licitação de Araxá pelo preço de R$ 17.913.097,65 para construir o novo fórum e fazer manutenção do ar-condicionado do local.

(A.Parte O Tempo)

quarta-feira, 23 de maio de 2018

Greve de caminhoneiros continua nesta quarta-feira, redução da Cide 'não resolve', diz Abcam


Rodovia Fernão Dias - Sul de Minas
Associação estima que cerca de 300 mil caminhoneiros tenham participado dos protestos na terça, ante 200 mil no dia anterior. Manifestação continua na quarta.
A paralisação dos caminhoneiros autônomos do país, iniciada na véspera, deve continuar na quarta-feira, apesar do aceno do governo nesta terça-feira sobre redução de um dos tributos que incidem sobre o preço do diesel.
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou em conta no Twitter que a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) será zerada com o objetivo de reduzir o preço dos combustíveis. Segundo Maia, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), e ele acertaram com o governo do presidente Michel Temer essa medida.
Porém, o presidente da entidade que organiza o movimento dos caminhoneiros autônomos do país, Abcam, José da Fonseca Lopes, afirmou que a redução da Cide não é suficiente. Enquanto isso, um pequeno corte no preço do diesel anunciado pela Petrobras mais cedo pouco fez para reverter a posição dos caminhoneiros.
"Isso não resolve o problema, a gente quer ser ouvido. Queremos que os tributos no óleo diesel sejam zerados. A Cide representa 1 por cento dos tributos que incidem no combustível", disse Lopes em resposta a questionamento sobre a chance de a paralisação dos caminhoneiros ser suspensa.
A Abcam estima que cerca de 300 mil caminhoneiros tenham participado dos protestos desta terça-feira, ante 200 mil no dia anterior. A entidade representa cerca de 600 mil caminhoneiros autônomos de um total de 1 milhão de motoristas no Brasil.
O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, disse que os protestos dos caminhoneiros estão gerando problemas pontuais no país, mas montadoras de veículos, incluindo General Motors, Ford e Fiat, um dos poucos setores da economia a apresentar recuperação vigorosa da crise, reportavam problemas logísticos ou paralisações de produção nesta terça.
Segundo a Abcam, foram registrados protestos em 23 Estados.
As manifestações também impactavam produtores de alimentos. Segundo a Associação Brasileira da Proteína Animal (ABPA), oito fábricas de carne suína e de aves do Brasil estão paradas devido a problemas decorrentes dos protestos de caminhoneiros.
"Todo o sistema está comprometido, não tem como girar, o cara tem que parar a planta", disse o vice-presidente e diretor de mercados da ABPA, Ricardo Santin. A entidade representa mais de 140 agroindústrias e Santin estimou que outras 30 fábricas devem parar na quarta-feira.
A Cooperativa Central Aurora Alimentos, terceira maior produtora de carnes de aves e suínos do país, disse que vai parar totalmente as atividades das indústrias de processamento de aves e suínos em Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul, na quinta e sexta-feira, devido a problemas causados pela greve dos caminhoneiros.
Na mesma linha, o presidente executivo da Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo), Péricles Salazar, afirmou que todo o setor de animais vivos, de leite e o abastecimento em geral estão sendo muito afetados.
Com relação aos grãos, o gerente de economia da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), Daniel Amaral, disse que por ora os protestos "ainda não afetaram o embarque e o esmagamento (de soja) de maneira generalizada, mas uma fábrica no Paraná pode suspender o processamento". Ele preferiu não dizer o nome da empresa.
"Estamos preocupados, mas ainda não houve problema para o abastecimento interno", disse Amaral. Ele ressaltou, contudo, que o fluxo do produto para os portos foi reduzido.
A última vez que os caminhoneiros promoveram protestos em âmbito nacional foi no início de 2015, quando exigiram redução de custos com combustível, pedágios e tabelamento de fretes.
(Dom Total)

Ex-governador de MG Eduardo Azeredo é considerado foragido, diz Polícia Civil

Ex-governador de MG, Eduardo Azeredo, do PSDB, se entrega à Polícia Civil às 14:50 de hoje (23) 

O juiz da Vara de Execuções Penais de Belo Horizonte Luiz Carlos Rezende e Santos determinou, nesta quarta-feira (23), que o ex-senador e ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB) fique em uma sala especial em um quartel do Corpo de Bombeiros, em Belo Horizonte. Segundo a Polícia Civil, a expectativa é que ele se apresente à polícia na tarde desta quarta-feira (23).
Azeredo teve a prisão determinada pela 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) nesta terça-feira (22), após o último recurso com efeito suspensivo ser rejeitado pelos cinco desembargadores. Ele foi condenado em segunda instância a 20 anos e 1 mês de prisão pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro no mensalão tucano.
Nesta manhã, o delegado disse que Azeredo é considerado foragido porque as negociações para sua prisão haviam sido interrompidas por parte dos advogados. A reportagem tentou contato com a defesa do tucano, mas nenhum advogado atendeu às ligações.
O juiz, em sua decisão, disse que Azeredo pediu uma "segurança individualizada". O magistrado também afirmou que, por se tratar de um ex-governador, "tem prerrogativa de manter-se em unidade especial como a Sala de Estado Maior que deverá estar instalada no Comando de Batalhão Militar".
Ainda no despacho, o juiz afirmou que a unidade preferencial para a detenção é um quartel do Corpo de Bombeiros por ter "fluxo menor de pessoas, o que notadamente permitirá maior segurança ao Sentenciado".
Na mesma decisão, está ainda determinado que Azeredo não usará o uniforme de detentos da Secretaria de Administração Prisional porque o quartel não faz parte da rede administrada pela pasta. E ainda está dispensado do uso de algemas, com exceção de situações que estejam "devidamente justificadas".
Antes de ir para um quartel do Corpo de Bombeiros, ele será submetido a um exame de corpo delito no Instituto Médico Legal (IML), procedimento padrão para cumprimento de mandados de prisão.
Nesta manhã, policiais estavam em frente ao prédio onde mora o ex-governador, no bairro Serra, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Mas o porteiro informou que não havia ninguém da família no local. 

EMENDA DO DEPUTADO FEDERAL RENZO BRAZ A PEDIDO DOS VEREADORES RICARDINHO DO GÁS, DINHO E EDER TNT

Câmara dos Deputados RBCOM_0735/2018

Brasília, 22 de maio de 2018.

Senhor PAULO CÉSAR PEREIRA,


O desenvolvimento de Três Corações não pode parar. Por isso, continuo indicando importantes recursos para o município e hoje tenho a satisfação de informar o empenho de R$ 150.000,00 para a FUNDAÇÃO HOSPITALAR SÃO SEBASTIÃO (FHSS)
O empenho foi realizado no dia 18/05/2018 e será aplicado na Aquisição de Equipamentos e Material Permanente para a Saúde, uma grande reivindicação da população. 
Este recurso que foi solicitado pelos Vereadores Ricardinho do Gás, Dinho Caminhoneiro e Eder da TNT, foi indicado por mim junto ao Orçamento Geral da União 2018 e agora que já consegui empenhá-lo, continuarei trabalhando para seu breve pagamento, trazendo assim, os benefícios que a população de Três Corações merece. 
Com muito trabalho e dedicação, vamos construindo uma Minas Gerais cada vez melhor!
Muito obrigado!
Atenciosamente, 



RENZO BRAZ
Deputado Federal
Progressistas/MG

terça-feira, 22 de maio de 2018

Efeito Pimentel: Conta de luz terá reajuste médio na conta de luz de 23,19% em Minas Gerais

O consumidor já pode preparar o bolso. A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (22) um reajuste médio de 23,19% para os consumidores na conta de luz da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), que entrará em vigor a partir da próxima segunda-feira (28).
O reajuste da Aneel é diferente para as duas categorias de consumidores. Para aqueles que utilizam a baixa tensão - comércio, prédios públicos, propriedades rurais e iluminação pública - o aumento médio será de 18,63%. Já o reajuste para as indústrias - alta tensão - será de 35,56%. 
A Aneel esclarece que os consumidores residenciais - também da categoria baixa tensão -, especificamente terão um reajuste de 18,53%.
O reajuste médio para os consumidores de 23,19% na tarifa de energia elétrica anunciado pela Aneel é 2,6 pontos percentuais abaixo do que era esperado. O índice estimado era o de 25,8%, o que resultaria no segundo reajuste mais caro do país.
Todo o ano, a Aneel concede reajustes para as energéticas com base em seus custos de produção, remuneração dos acionistas e valores da energia gerada. A cada cinco anos, a agência faz uma revisão mais abrangente, considerando custos e investimentos de longo prazo. É o que acontece agora com a Cemig.
O reajuste anunciado nesta terça traz uma carga de custos totalmente afetada pela forte estiagem entre 2014 e meados do ano passado. Nesse período, o uso de termelétricas no país foi recorrente. A produção dessa energia é mais cara, pois as térmicas utilizam insumos de custo maior, como diesel e gás natural. 

Município de Três Corações cumpre Recomendação do MPMG e cancela licitação para contratação de prestadora de serviços veiculares

Em cumprimento à Recomendação expedida pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), a Prefeitura de Três Corações, no Sul do estado, cancelou licitação para contratação de empresa de prestação de serviços veiculares diversos. A instituição havia orientado ao município suspender o pregão, de forma imediata, para a realização de novos estudos para a regularização do certame.
Conforme apurado pelo MPMG, o edital de licitação promovido pelo município era irregular por agrupar um grande número de objetos de natureza diversa, contrariando o disposto no artigo 23, §1º da Lei 8.666/93 e entendimentos de Tribunais de Contas.
Os objetos do certame incluíam: montagem e desmontagem de motor nas linhas leve, média, caminhões/ônibus e máquinas pesadas; manutenção na parte elétrica; injeção eletrônica, bombas e bicos injetores; bombas hidráulicas; mangueiras hidráulicas; serviços pneumáticos; reforma em radiadores; soldas profissionais; tornearia; embuchamento; borracharia; lanternagem; tapeçaria; pintura; retíficação de motor nas linhas leve, média, caminhões/ônibus e máquinas pesadas.
Além disso, segundo a 3ª Promotoria de Justiça de Três Corações, as cotações prévias realizadas para obtenção do valor médio dos serviços apresentavam fortes indícios de sobrepreço em vários itens, de modo que o valor da contratação estava muito acima do preço de mercado.
A Recomendação do MPMG destacou também que as condições estabelecidas pelo edital restringiam seu caráter competitivo. Para ser contratada, por exemplo, era necessário que a empresa estivesse estabelecida nos limites do perímetro urbano de Três Corações, fornecesse os serviços aglutinados no objeto licitado, e possuísse, ainda, estacionamento com capacidade para, no mínimo, sessenta veículos de grande porte.
Fonte: MPMG

Eduardo Azeredo pode ter prisão decretada hoje

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) julga nesta terça-feira (22) o que deve ser a última possibilidade de recurso do ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB) ainda na segunda instância. Os desembargadores vão analisar os embargos declaratórios referentes à condenação de 20 anos e um mês que foi imposta ao político em uma decisão apertada no último mês. Eduardo Azeredo foi condenado por peculato e lavagem de dinheiro, por envolvimento no caso que ficou conhecido como mensalão mineiro ou mensalão tucano.
Na decisão do dia 23 de abril, que manteve a sentença por três votos a dois, os magistrados decidiram que o cumprimento da pena deveria ser iniciado assim que se esgotassem todas as possibilidades de recurso no TJMG. A decisão segue o entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF), que permite a prisão após condenações em segunda instância.
Os embargos declaratórios servem apenas para esclarecer algum ponto que não ficou muito claro no acórdão com a condenação. Raramente esse tipo de ação muda a decisão já tomada. Eles devem ser os últimos recursos analisados no caso de Azeredo.
Na teoria, ainda existe a possibilidade de apresentação dos chamados “embargos dos embargos”, porém alguns tribunais recusam esse tipo de recurso. Esse foi o caso do ex-presidente Lula (PT), que teve o pedido de embargos dos embargos negado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), o que permitiu ao juiz federal Sergio Moro expedir a ordem de prisão contra o petista.
A defesa de Azeredo não só acredita que os embargos de declaração podem reverter a condenação como não acredita que, ao fim do julgamento no TJMG, a ordem de prisão contra o tucano seja expedida. “A defesa confia no provimento dos embargos declaratórios que serão julgados na próxima terça-feira (22), reformando-se a condenação”, disse o advogado Castelar Guimarães Filho, por meio de nota.

Ele ainda destaca que a decisão do STF permite, mas não obriga o cumprimento da pena após condenações de segunda instância. Ele afirma que seria imprudente prender Azeredo com condenações tão apertadas.

“No caso dos autos, desde o recebimento da denúncia, foram proferidas, em todos os momentos, decisões não unânimes, o que por si só justifica que se aguarde o trânsito em julgado para eventual execução”, conclui a nota.
Apesar disso, a defesa já entrou com o pedido de habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça (STJ). A ação está nas mãos do ministro Jorge Mussi, que ainda não tomou uma decisão.
Visão. Ao fim do julgamento que manteve a condenação de Azeredo, o procurador Antônio de Padova disse estar constrangido de pedir a prisão do tucano, com o resultado apertado da decisão. 
(O Tempo)

Petrobras anuncia redução do preço do diesel e da gasolina a partir de quarta

Preço da gasolina será reduzido em 2,08% e do diesel em 1,54%. Caminhoneiros voltam a protestar em rodovias contra preço dos combustíveis.
Após uma sequência de reajustes praticamente diários, a Petrobras reduzirá os preços da gasolina em 2,08% e os do diesel em 1,54% nas refinarias a partir desta quarta-feira (23), em meio a discussões dentro do governo sobre a alta dos preços dos combustíveis e protestos de caminhoneiros.
Segundo informou a petroleira, o preço da gasolina nas refinarias cairá de R$ 2,0867 o litro para R$ 2,0433 a partir desta quarta. Já o preço do diesel será reduzido de R$ 2,3716 para R$ 2,3351.
A Petrobras adota novo formato na política de ajuste de preços desde 3 de julho do ano passado. Pela nova metodologia, os reajustes acontecem com maior frequência, inclusive diariamente, refletindo as variações do petróleo e derivados no mercado internacional, e também do dólar. Somente na semana passada, foram 5 reajustes diários seguidos.
Na véspera, a estatal tinha anunciado um novo aumento nos preços do diesel e da gasolina, elevando os preços dos combustíveis para novas máximas dentro da política da estatal. Desde o início da nova sistemática de reajustes adotada pela Petrobras, o preço da gasolina comercializada nas refinarias acumulava aumento de 58,76% e o do diesel, de 59,32%, segundo o Valor Online. 

segunda-feira, 21 de maio de 2018

Caminhoneiros protestam em rodovias do Sul de MG contra alta no preço do diesel



Caminhoneiros se manifestam na BR-491 em Varginha (MG) (Foto: Reprodução/EPTV)


Grupos de caminhoneiros realizam protestos em rodovias do Sul de Minas na manhã desta segunda-feira (21). Os manifestos fazem parte de um movimento nacional contra a alta no preço do diesel. Na região, foram registradas paralisações em pelo menos cinco rodovias - Fernão Dias, BR-265, BR-491, MG-050 e BR-354.
Na rodovia Fernão Dias, a manifestação foi na região de Lavras, na altura no quilômetro 690, onde há interdição parcial. Em um trecho próximo ao Sul de Minas, em Oliveira, há interdição parcial sentido Belo Horizonte, no quilômetro 617.
Os caminhoneiros também protestam na BR-265, no trevo de acesso a Santana da Vargem. Os caminhões começam a parar no quilômetros 413. Próximo a Varginha e Três Corações, na BR-491, a manifestação começou às 7h e paralisou a pista nos dois sentidos. Há trechos de lentidão e apenas carros de passeio estão autorizados a seguir viagem. 

BOLETIM ACE: CONVITE



sexta-feira, 18 de maio de 2018

FOLHA DO SUL IMPRESSO JÁ NAS BANCAS


NAS BANCAS NESTE SÁBADO (19/5)
NAS BANCAS NESTE SÁBADO (19)

JOSÉ DIRCEU SE ENTREGA E JÁ ESTÁ NA PRISÃO

O ex-ministro José Dirceu se entregou à Polícia Federal (PF) de Brasília, nesta sexta-feira (18), em cumprimento à ordem prisão determinada pela Justiça. O mandado foi assinado pela juíza substituta da 13ª Vara Federal de Curitiba, Gabriela Hardt, após o esgotamento de recursos no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), que condenou Dirceu a 30 anos e nove meses de prisão na Lava-Jato.
A juíza determinou que Dirceu cumpra a pena no Complexo Médico-Penal de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, em ala reservada aos presos da Lava-Jato. A magistrada disse que “no futuro, se for o caso”, ele poderá ser transferido ao Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília.
Dirceu estava sendo monitorado por tornozeleira eletrônica desde maio do ano passado, quando deixou a cadeia por determinação da 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF). Condenado por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, ele ficou preso de forma preventiva por um ano e oito meses, por determinação do juiz Sergio Moro.
A acusação
Conforme denúncia, o ex-ministro chefiou um esquema que teria recebido R$ 56,8 milhões em propinas da empreiteira Engevix, fruto de desvios em contratos com a Petrobras. O valor seria equivalente a 0,5% e 1% de cada contrato e aditivo da empresa em obras da Unidade de Tratamento de Gás de Cacimbas e nas refinarias Presidente Bernardes, Presidente Getúlio Vargas e Landulpho Alves.
A propina teria sido repassada pela Engevix à empresa de consultoria de Milton Pascowitch. Em troca, Dirceu mantinha pessoas de confiança em cargos estratégicos na Petrobras, facilitando as fraudes.

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Operação contra tráfico de drogas acontece em três cidades do Sul de Minas

A segunda fase da operação “Narco Zero” foi feita pela Polícia Civil, contra o tráfico de drogas em três cidades do Sul de Minas. A operação foi feita na madrugada e na manhã desta quinta-feira 17, em Alfenas, Três Corações e Heliodora. Foram presas 22 pessoas e quatro veículos foram apreendidos.
Segundo a polícia Civil, 80 policias participaram da ação, teve também apoio de um helicóptero e cães farejadores. Dois suspeitos ainda estão foragidos.

Operação de combate à pedofilia é desencadeada em todo o País. Mais de 100 pessoas foram presas logo de manhã

"Luz na Infância 2". Esse é o nome de uma das maiores operações do Brasil de combate à pedofilia, segundo a Polícia Civil, envolvendo aproximadamente 2,6 mil policiais, que cumprem mais de 500 mandados de busca e apreensão. Só em Minas Gerais serão cumpridos 68 mandados em 32 cidades.

A força-tarefa, coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública (MESP), busca arquivos com conteúdos relacionados a crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes. Ao todo, participam 24 estados, além do Distrito Federal.

Segundo o ministério, os suspeitos já estão sendo presos em flagrante e foram identificados por meio de material obtido em ambientes virtuais. De acordo com os investigadores, esse material representa “indícios suficientes de autoria e materialidade delitiva”.


Confira os municípios mineiros:

Betim - Belo Horizonte - Além Paraíba - Baependi - Barbacena - Carmo do Cajuru - Cataguases Contagem - Divinópolis - Entre Rios de Minas - Formiga - Governador Valadares - Guaxupé - Ibirité - Ibiá - Ipatinga - Itabirito - Juiz de Fora - Manhuaçu - Muriaé - Pará de Minas - Sarzedo - Sete Lagoas -Santa Luzia - São Gonçalo do Sapucaí - São Gotardo - São Sebastião do Paraíso - Tarumirim - Timóteo - Uberaba - Viçosa - Uberlândia
Como você leitor pode conferir Três Corações não aparece
na listagem da Polícia Civil, logo não há vestígio de pedófilos
em TC. Certo?


quarta-feira, 16 de maio de 2018

Prefeitura de Três Corações e salários; e diz que está fazendo contenção de despesas, mas nada fala em acerto final dos demitidos

Esta é a circular enviada hoje (16) aos servidores da Prefeitura, no entanto, os demitidos do chamado baixo escalão esperavam notícias acerca dos seus acertos demissionais, e até agora nada!
Espera-se que não falte alimento na mesa desse pessoal, e que tudo de direito seja a eles quitados, o mais rápido possível.
Completando, hoje continuou as demissões. Muitos vigias de escola, postos de saúde, projetos e até da Praça Getúlio Vargas foram dispensados. Há notícias que cerca de 70 outras pessoas já foram notificados da demissão.

Ruy Muniz disputa o Senado e Mariano vai à deputado estadual, mesmo sem apoio do prefeito e vice de TC

Ruy Muniz, ex- mantenedor
da Unincor
Ruy Muniz (PSB) é cotado para a disputa de uma das vagas de Minas para o Senado, e pode contar com o apoio com grande parte do MDB e até do PSDB, notadamente daqueles que rejeitam a tentativa de reeleição do Aécio Neves.
Já em Três Corações quem confirma sua disputa para deputado Estadual é o Mariano Fonseca Reis (vice-prefeito do Guará), mas não virá pelo MDB (partido que preside na TC). Muito ligado so prefeito, no entanto não terá o apoio nem do prefeito e tampouco do vice Luiz Vilela, eis que os dois já manifestaram apoio a candidatos de outras paragens.  

Rito do impeachment contra Pimentel é aprovado pela mesa da ALMG

A Mesa da Assembleia aprovou na manhã desta quarta-feira (16) o rito que será utilizado para análise da denúncia de crime de responsabilidade, apresentada pelo advogado Mariel Marra, contra o governador de Minas, Fernando Pimentel (PT). No dia 26 de abril a ALMG aceitou a denúncia. No entanto, não havia definição clara sobre qual será o rito a ser seguido após a leitura da representação. Houve duas alterações, por sugestão do primeiro-secretário, deputado Rogério Correia (PT).
O prazo para a Comissão Especial emitir parecer sobre a denúncia foi ampliado de 5 para 10 reuniões de Plenário, incluindo a possibilidade de realização de diligências e escuta de testemunhas. A outra mudança é que, agora, o plenário da Casa terá que votar pela aprovação ou não da composição deste colegiado.
O rito foi definido com base nos Regimentos Internos da Casa e da Câmara dos Deputados, na Lei Federal 1.079, de 1950, que tipifica os crimes de responsabilidade cometidos por agentes públicos, e em decisões recentes do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o assunto.
A tramitação da denúncia continua suspensa, até que duas questões de ordem pendentes sejam respondidas.
A reunião foi conduzida pelo presidente da ALMG, Adalclever Lopes (MDB). Todos os deputados integrantes da Mesa participaram da reunião.

segunda-feira, 14 de maio de 2018

RÁDIO PEÃO COMENTA A ATUAL SITUAÇÃO DA PREFEITURA DE TRÊS CORAÇÕES

A Rádio Peão, incomodada com as demissões na Prefeitura de Três Corações, ou seja, como foi ou está sendo feita, emitiu o seguinte boletim ao final da tarde de hoje: "A despeito do propalado rompimento do Prefeito com o seu Vice Luiz Vilela este continua muito bem instalado no prédio administrativo (ao contrario do que aconteceu com o então vice  Cosme) e mandando seus torpedinhos à várias secretarias, solicitando serviços".
Quanto as demissões dos comissionados e contratados a Rádio Peão afirmou que os demitidos, em sua grande maioria, são oriundos do baixo escalão, estes sim necessários ao bom andamento dos serviços à população. "Enquanto isso vemos profusão de adjuntos que nada fazem,  alguns secretários idem, diretores idem, comumente desfilando pelos corredores e salas do prédio da administração como se nada estivesse ocorrendo".
Para a Rádio Peão chega a ser um escárnio demitir assalariados para manter apaniguados e amigos do poder; "com a palavra o Ministério Público", ressaltou a Rádio.
E finaliza sua transmissão: "o que mais produz a favor da população, um gari ou um adjunto que nada faz? Um diretor inepto ou um pedreiro? Um chefe de divisão relapso ou um mecânico? Antes de encerrar registra: "Adequar a folha de pagamento é sim dever do gestor, no entanto manter privilegiados com altos salários, não!". 
   

BOLETIM ACE: SEMANA DO MEI


TITE CONVOCA SELEÇÃO BRASILEIRA


'Prioridade é pagar servidores no 5º dia útil', diz Anastasia

Depois de muito resistir a pressões, o senador Antonio Anastasia (PSDB) terá a pré-candidatura ao governo de Minas lançada oficialmente pelo partido hoje, em um ato em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Visto como o nome mais forte para unir as oposições ao governador Fernando Pimentel (PT), o tucano tenta agregar os pré-candidatos do DEM, Rodrigo Pacheco, do PSB, Marcio Lacerda, e do Solidariedade, Dinis Pinheiro, em um chapão, para retornar ao Palácio da Liberdade.
Por enquanto, trabalha com a hipótese de saírem separados, em uma eleição de dois turnos. Em entrevista ao Estado de Minas, Anastasia criticou a gestão de Pimentel e disse que, se eleito, a prioridade número um de sua gestão será voltar a pagar o funcionalismo em parcela única no quinto dia útil do mês. Apadrinhado do senador Aécio Neves, hoje às voltas com a Lava-Jato, o pré-candidato ao governo negou que o PSDB o esteja escondendo, mas disse que caberá a Aécio decidir se subirá em seu palanque. Sobre o ex-governador Geraldo Alckmin, Anastasia disse ser o nome com perfil ideal para o país neste momento.

domingo, 13 de maio de 2018

Adversários divulgam falso convite que cola imagem de Aécio Neves à de Anastasia

O tom que o senador Antonio Anastasia (PSDB) deve enfrentar na campanha eleitoral já começa a aparecer nas redes sociais. Nos últimos dias, adversários políticos dos tucanos têm compartilhado na internet materiais que ligam Anastasia ao senador Aécio Neves (PSDB). A publicação divulgada na internet confirma a presença de Aécio no evento de lançamento da pré-candidatura de Anastasia ao governo de Minas, que será realizado nesta segunda-feira (14).
A imagem de Aécio ficou desgastada desde que foi flagrado em uma conversa pedindo R$ 2 milhões ao empresário Joesley Batista e foi citado por delatores da Lava Jato.
Procurado, o presidente do PSDB em Minas e deputado federal, Domingos Sávio, afirmou que a peça publicitária não saiu do partido. O líder tucano afirmou ainda que a presença de Aécio no evento não está prevista. Segundo ele, o convite virtual é uma tentativa de tirar o foco do evento. “Isso é provocação. Essa publicação é uma fraude. O foco do evento é o senador Anastasia. Ele vai apresentar suas ideias e discutirá a crise que se abateu no Estado e as alternativas para a retomada do desenvolvimento social e econômico”, declarou Domingos Sávio.
O deputado destacou que atitudes como essa mostram a forma de trabalhar de seus adversários. “Eles fazem o jogo da mentira. A mentira é uma técnica de campanha deles. Isso só mostra como eles estão com medo da derrota, uma vez que sabem que Anastasia já lidera as intenções de voto”, contou o dirigente. 

sábado, 12 de maio de 2018

TSE dá ‘aviso prévio’: ficha suja não se candidata

Ao discutir a possibilidade de um candidato que não se encaixa nos pré-requisitos da Lei da Ficha Limpa na lista de elegíveis, o ministro Admar Gonzaga, do Tribunal Superior Eleitoral questionou, sem citar nomes, se “convém à democracia” homologar condenados até por corrupção e lavagem de dinheiro, “sabidamente inelegíveis”. O ministro, na prática, deu “aviso prévio”: tipos como Lula não serão candidatos.
O ministro Admar Gonzaga manifestou sua posição durante debate em São Paulo sobre os maiores desafios na eleição 2018.
A Lei da Ficha Limpa criou pré-requisitos para pré-candidato em eleições. Um deles é não ter condenações na Justiça.
Quem for condenado em julgamento colegiado, na Justiça ou em órgãos como OAB, fica inelegível. Está na Lei da Ficha Limpa.
Condenado em segunda instância, Lula receberá atestado de “ficha suja”, caso insista em registrar a candidatura na Justiça Eleitoral.
A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

FRASE

“Quem nunca deu um tapa no bumbum do filho
e depois se arrependeu? Acontece”.

(Jair Bolsonaro, deputado e candidato a presidente da República, sobre as autorizações sumárias dadas pelo presidente Ernesto Geisel para executar opositores do regime militar no Brasil, segundo documento da CIA).

quarta-feira, 9 de maio de 2018

CLÁUDIO X LUIZ FOI APENAS UM TEATRO OU O LUIZ GANHOU A QUEDA DE BRAÇO?

Luiz Vilela e Dimas Fabiano entre os secretários da Saúde
A Rádio Peão informa em tom de alta indagação que a ruptura entre o Prefeito e o Luiz Vilela pode ter sido apenas um teatro, ou o Luiz ganhou a queda de braço com o Cláudio.
Para isso, a Rádio analisou a visita do deputado federal Dimas Fabiano à Prefeitura na sexta-feira (4) como um acontecimento político, e impensável até há pouco, que pode ser interpretado em distanciamento do Prefeito em relação ao deputado federal Odair Cunha (PT), este já em vias de deixar a secretaria de Governo de Minas, e perder seu imenso poder no Estado, e particularmente na Prefeitura de Três Corações.
O Dimas foi recebido pelos secretários da Saúde, dando ênfase ao fortalecimento do vice-prefeito Luiz Vilela, agasalhando o título desta matéria, qual seja: "ou tudo foi teatro ou Luiz ganhou a queda de braço contra o Prefeito", encerrou a Rádio.  

terça-feira, 8 de maio de 2018

LICITAÇÃO DA PREFEITURA FAZ BULLYNG COM CADAVER

Bem caro amigo leitor. Quando você pensa que já viu de tudo nessa vida... A Prefeitura de Três Corações supera tudo em falta de respeito. Ao publicar licitação em seu site para credenciamento de funerária ali está descrito como objeto do certame: 40 serviços funerários adulto especial, e completa: (Gordo, Baleia). É o fim!
Nota: mesmo que seja termos usado pela(s) funerárias, em hipótese alguma a Prefeitura poderia licitar com essas empresas, que por sinal deveriam ser denunciadas ao Ministério Público.

JORNAL FOLHA DO SUL COMENTA ROMPIMENTO NA PREFEITURA E SESSÃO NA CÂMARA

Bem dileto amigo leitor. Esta é a 1ª página da edição do jornal Folha do Sul que começou a ser distribuído na tarde de ontem, portanto antes da reunião da Câmara Municipal de Três Corações que sepultou o ótimo Projeto de Lei do vereador Dinho Caminhoneiro. Na página que trata do assunto já antecipávamos o voto da vereadora Juliana Prudêncio, registrando que ela dificilmente votaria contra a vontade do Prefeito e, consequentemente, a favor da população. A vereadora mostrou que, a exemplo de seus colegas, deseja manter Três Corações ser chefiado como um grotão à moda dos antigos coronéis. O tempo passa, mas a ignorância é permanente.
Por outro lado, não se enganem, ela foi usada e colocada como "boi de piranha", explico: fontes afirmam que do outro lado, comandado pelo fraco presidente, havia vereador(s) com a certeza que a Juliana (boi de piranha) obedeceria ao Prefeito, mas em caso ela "balançasse" esse(s) vereadore(s) garantiriam o veto do Prefeito. É o que afirmam fontes deste Blog.


sábado, 5 de maio de 2018

COMENTANDO A NOTA DE ESCLARECIMENTO DA PREFEITURA DE TRÊS CORAÇÕES

Bem leitor amigo: lendo atentamente a nota emitida pela Prefeitura de Três Corações acerca das 350 demissões há uma afirmação interessante, qual seja: "não obstante a possibilidade de interposição de recursos ou mesmo da discussão dessas matérias em ritos ordinários...". Esta inserção revela a possibilidade de estender por muito tempo (ritos ordinários) as demissões, dai,  acredita-se, o real motivo do inchaço político utilizado pela atual administração quando admite a existência de recursos judiciais para postergar essas dispensas de comissionados é meramente de ocasião eleitoral; explico: O Prefeito declarou pouco antes da dispensa que não vai disputar o cargo de deputado estadual, ele vai até o final de seu mandato sem a possibilidade de reeleição. Então vem a triste verdade: "tchau! eu não preciso mais de vocês". Esta é a interpretação da mensagem da Nota da Prefeitura de Três Corações.

PREFEITURA DE TRÊS CORAÇÕES: NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE DEMISSÕES

Nota de Esclarecimento

O Poder Executivo, tendo em vista a decisão judicial proferida em Segunda Instância, bem como algumas recomendações e posicionamentos do Ministério Público do Estado de Minas Gerais, não obstante a possibilidade de interposição de recursos ou mesmo da discussão dessas matérias em ritos ordinários, visando sempre o bem comum e a mitigação dos conflitos judiciais, atento ainda, a boa relação com os órgãos de controle, quer seja o Ministério Público, quer seja o Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais, vem se antecipar aos efeitos de qualquer sentença ou decisão e, inicia sua readequação político-administrativa, procedendo a exoneração de aproximadamente 350 (trezentos e cinquenta) servidores comissionados e contratados.
A medida teria o condão de ocasionar um impacto negativo à população, uma vez que, com a redução dos servidores, alguns serviços poderiam ficar comprometidos. Contudo, a Administração Municipal não medirá esforços, ainda que com seu quadro reduzido, em continuar prestando à população tricordiana todos os serviços essenciais, através da criação de grupos de trabalho especiais que irão estudar profundamente quais medidas e ações deverão ser tomadas para que a cidade continue no caminho do desenvolvimento.

Três Corações, 04 de maio de 2018.

sexta-feira, 4 de maio de 2018

DEMISSÕES CONTINUAM NA PREFEITURA DE TRÊS CORAÇÕES, COM MUITO CHORO E REVOLTA

Bem leitores amigos. Começaram mesmo as demissões dos comissionados empregados na Prefeitura de Três Corações cumprindo determinação do Ministério Público, embasado em artigos da Lei Orgânica do Município que amparava contratações, artigo que foi considerado inconstitucional.
O Prefeito teve prazo de 1 ano para cumprir a decisão do MP, prazo que se esgota no próximo mês de Junho. Enfim...
Ontem e hoje houve muito choro, revolta, pedido para continuar, tudo em vão. Cenas tristes, segundo contam. Não se sabe se o prefeito Cláudio esteve presente para amenizar a dor dos comissionados demitidos, eis que todos foram contratados por ele; fontes afirmam que ele viajou.
Segundo as mesmas fontes os comissionados contratados passam de 300 podendo chegar a 350; essas demissões são as primeiras e devem se estender pelos próximos dias.
De qualquer forma, resta aos comissionados que se preparem, estudando muito para prestarem concurso público, entendendo que o serviço público não pode ser cabide de emprego para ser usado por políticos para garantir votos dos apaniguados e familiares.

BOLETIM ACE: PRESENTE PARA O DIAS DAS MÃES?


quinta-feira, 3 de maio de 2018

Prefeitura de Três Corações gasta R$ 30 mil em painel religioso

R$ 31.600,00 foi o valor do painel de led e a estrutura pagas pela Prefeitura para a festa de Pentecostes, que é uma das celebrações mais importantes do calendário cristão (celebrado 50 dias depois do domingo de Páscoa); no entanto, por ser um evento religioso o Estado, no caso a Prefeitura tem que ficar neutra, ante a laicidade insculpida no art. 19 Inc. I da CF/88.  Ou os brasileiros são todos iguais, salvo quando a desigualdade for necessária entre os desiguais, ou alguns brasileiros, por professarem uma religião majoritária, são mais iguais que outros.
É um caso para o MP resolver.

Suspeito de fabricar armas é preso em Três Corações

Um homem foi detido no bairro Jardim Paraíso, em Três Corações, suspeito de fabricar armas.
Na manhã desta quinta-feira um homem foi preso por fabricar armas de fogo em casa em Três Corações (MG). O rapaz foi preso em flagrante nesta manhã no bairro Jardim Paraíso.
Segundo informações da Polícia Militar, a prisão aconteceu durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão. No local, foram encontrados uma arma carabina calibre 32 de fabricação artesanal e peças para montagem de duas coronhas.
O homem e o material apreendido foram encaminhados para a delegacia de Polícia Civil.

STF decide por unanimidade restringir foro privilegiado de deputados e senadores

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira (3) reduzir o alcance do foro privilegiado de deputados e senadores somente para aqueles processos sobre crimes ocorridos durante o mandato e relacionados ao exercício do cargo parlamentar.
Com a decisão, deixarão o Supremo Tribunal Federal parte dos cerca de 540 inquéritos e ações penais em tramitação, segundo a assessoria do STF.
Caberá ao ministro-relator de cada um desses inquéritos ou ações analisar quais deverão ser enviados à primeira instância da Justiça por não se enquadrarem nos novos critérios.
O foro por prerrogativa de função, o chamado "foro privilegiado", é o direito que têm deputados e senadores – entre outras autoridades, como presidente e ministros – de serem julgados somente pelo Supremo. Atualmente, qualquer ação penal contra esses parlamentares, mesmo as anteriores ou as não relacionadas ao mandato, são transferidas das instâncias judiciais em que tramitam para o STF.
Durante o julgamento, que começou em maio do ano passado, os ministros também fixaram o momento a partir do qual uma ação contra um parlamentar em tramitação no STF não pode mais sair da Corte: na hipótese de ele deixar o mandato numa tentativa de escapar de uma condenação iminente, por exemplo.
Pela decisão, o processo não deixará mais o STF quando se alcançar o final da coleta de provas, fase chamada “instrução processual”, na qual o ministro intima as partes a apresentarem suas alegações finais.
Assim, se um político que responda a processo no STF (por ter cometido o crime no cargo e em razão dele) deixar o mandato após a instrução, por qualquer motivo, ele deverá necessariamente ser julgado pela própria Corte, para não atrasar o processo com o envio à primeira instância. 

RADIO PEÃO PEDE PARA SECRETÁRIOS NÃO FAZER DISPENSA PELO WHATSAPP

A Rádio Peão entra no ar para noticiar que secretários, alguns, estão dispensando seus comissionados via grupo WhatsApp, talvez com o receio ante possível reação do dispensado. O fato, se ocorrendo, segundo fontes, é covarde e desabonador;  juridicamente é passível de indenização por danos morais.
Da mesma forma precisa ser resolvida a questão de horas extras, e também as que funcionários tinham dias parta tirar. Como será feito esse pagamento?
A Rádio finaliza lembrando que mesmo exercendo o cargo de comissionado, sem prestar concursos e apenas por indicações políticas, os demitidos merecem todo o respeito que a Lei exige. 

Joesley em BH presta depoimento sobre propinas ao vice governador Antônio Andrade (MDB) e Aécio Neves

O empresário Joesley Batista, da JBS vai prestar depoimento à Policia Federal em Belo Horizonte no início da tarde desta quinta-feira (3).
O empresário deve explicar à PF como eram pagas as propinas que ele diz ter dado ao vice-governador do Estado Antônio Andrade (MDB). O depoimento será em torno das infirmações obtidas na deleção do doleiro Lucio Funaro.
Funaro contou que o vice-governador pediu R$ 25 milhões à JBS em troca favores no o Ministério da Agricultura, quando comandava a pasta no governo Dilma Rousseff (PT).
As informações sobre o depoimento foram divulgadas pela coluna Radar da revista Veja e confirmadas a O TEMPO por uma fonte. A Justiça Federal, por enquanto, não confirma.
Compra de prédio
Segundo apuração, Joesley também deve prestar informações sobre a compra do prédio do Hoje em Dia e sobre a rádio Arco-íris da qual o senador Aécio Neves é sócio.
Os filhos do empresário Marco Aurélio Carneiro, na época proprietários do jornal também devem prestar depoimento.
(O Tempo)

quarta-feira, 2 de maio de 2018

PREFEITURA DE TRÊS CORAÇÕES E UM CONTRATO COM MICRO EMPRESA NO VALOR DE R$ 2.600.000,00


Fontes da Prefeitura afirmam que nunca viram esta micro empresa na Prefeitura; segundo essas mesmas fontes a empresa já recebeu R$ 1.700.000,00 de um contrato de R$ 2.600.000,00
Bem, passo o caso para a Câmara Municipal de Três Corações se manifestar sobre o assunto para dirimir todas as dúvidas, embora a presidência ali só pense em festas e empregar amigos, mas vamos esperar uma resposta para a população.


Projeto envolve mestrandos e estudantes do Ensino Médio para o II Congresso de Inovação e Pesquisa do Colégio de Aplicação

Estudantes do Ensino Médio do Colégio de Aplicação participaram na última semana de mais um ciclo de palestras promovido pelo Programa de Mestrado Profissional Sustentabilidade em Recursos Hídricos da UninCor. O projeto de iniciação ao pensamento científico é uma preparação dos alunos para o II Congresso de Inovação e Pesquisa do Colégio de Aplicação. 

Na oportunidade, a Coordenadora Adjunta do Programa, professora Elisa Dias de Melo, conversou com os estudantes sobre Qualidade da Água; e a Engenheira Civil Luana Ferreira Mendes, mestranda do programa, falou sobre Saneamento Básico no Brasil. Juntamente com os mestrandos, os alunos vão realizar a  pesquisa e publicar o artigo científico com temática relacionada a sustentabilidade e recursos hídricos. 

Os temas propostos para a elaboração dos projetos foram: Estações de tratamento de água; Estações de tratamento de esgoto; Qualidade da água; Gestão da água; Água cinza, preta e de reuso; Águas subterrâneas; Monitoramento das chuvas e captação de água pluvial de baixo custo. A estudante do 2º ano do Ensino Médio, Eloísa Maria Silva Cruz, vai desenvolver um trabalho sobre Águas Subterrâneas. "É um projeto extremamente importante, pois trata de assuntos pertinentes e bastante atuais sobre ecologia e sustentabilidade. A pesquisa e a publicação do artigo nos dão a oportunidade de ter um contato maior com a iniciação científica e com a vida acadêmica. O que eu tenho percebido com os estudos é que, no Brasil, a utilização de águas subterrâneas ainda é falha e, se houvesse uma captação correta, maior proteção das nascentes e mais investimentos no setor, a gente conseguiria ter um aproveitamento melhor da nossa riqueza hídrica", comentou a estudante.

O professor de Física do Colégio de Aplicação, Antônio Otto Neves Filho, que também é mestrando do programa, tem percebido o entusiasmo dos estudantes ao participarem da pesquisa científica. "Quando apresentamos para eles as propostas com este nível de conhecimento, eles não ficam assustados, mas, sim, admirados com a novidade. A turma é muito bem preparada e já percebemos que muitos deles têm perfil de pesquisador universitário", analisou o professor.

O resultado do projeto será a publicação do artigo científico nos anais do II Congresso de Inovação e Pesquisa do Colégio de Aplicação, que ocorre no segundo semestre, na UninCor.